main content

pagetop

header

slides

menu principal

principal

breadcrumbs

 
|
NOTICIAS
 

conteudo

NOVA IMS e Nokia firmam protocolo que aproxima a academia e o mercado de trabalho
NOVA IMS e Nokia firmam protocolo que aproxima a academia e o mercado de trabalho

Nokia e NOVA IMS estabelecem parceria de Cooperação Técnica e Científica

A Nokia, uma das maiores multinacionais de redes e de tecnologias de telecomunicações e a NOVA Information Management School (NOVA IMS), da Universidade Nova de Lisboa, anunciam a realização de um protocolo que visa promover a cooperação técnico-científica entre estas duas organizações, com vista a promover os laços entre a academia e o mercado de trabalho.

 

Na opinião de Sérgio Catalão, Diretor Geral da Nokia Portugal, “a assinatura deste acordo é um importante passo na consolidação do Centro de Serviços Globais da Nokia em Portugal, anunciado no início deste ano, e que expande agora as suas competências em áreas avançadas de sistemas de informação e Data Science. Juntamente com a NOVA IMS, iremos promover a partilha de conhecimento e premiar os melhores talentos, estabelecendo um novo elo na ligação entre a academia e as empresas, fundamental para todos nós."

 

“O intercâmbio entre o meio universitário e as organizações é um instrumento fundamental para promover uma melhor harmonia entre a oferta e a procura de emprego. Acreditamos que esta parceria será uma mais-valia para a integração dos jovens no mercado de trabalho, uma vez que este tipo de protocolos abre novas possibilidades às duas instituições, com a NOVA IMS a assumir um papel de destaque na estratégia de investigação e desenvolvimento da Nokia, com algumas lógicas que motivam os alunos e os envolvem desde já com o tecido empresarial. A ideia aqui será permitir aos nossos alunos resolver problemas da vida real, ao mesmo tempo que a própria escola também integra lógicas empresariais no seu currículo, o que só nos ajuda a cumprir a nossa missão de preparar os nossos alunos da melhor forma para o mercado de trabalho”, adianta Miguel de Castro Neto, subdirector da NOVA IMS.

A ideia passa por lançar desafios aos alunos, adaptados aos vários níveis de ensino (Licenciatura, Pós-Graduação e Mestrado), especificamente pensados para projetos de final de ano, conclusão de curso ou tese de mestrado, tendo depois intervenção na análise e classificação dos trabalhos dos alunos. Para os melhores alunos, serão atribuídos prémios e vão ser criadas lógicas de recrutamento e de estágios remunerados, bem como um programa de formação orientado para as áreas de Business Process Management, Process Mining, Social Network Analysis e Graph Analysis.

footer